Este navegador não é suportado

Você está usando um navegador que não é mais suportado. Para continuar visitando nosso site, escolha um dos seguintes navegadores compatíveis.

Close

Como manter ferramentas pneumáticas e otimizar o desempenho em aplicações industriais

Ferramentas Manutenção de ferramentas

Ferramentas pneumáticas são construídas para o uso mais intenso e são atores vitais em ambientes industriais, mas suas necessidades de manutenção podem ser facilmente ignoradas. No entanto, o cuidado adequado das ferramentas pneumáticas é fundamental para assegurar a produtividade, e atender às demandas dos clientes e à segurança dos operadores.

Os gerentes de manutenção industrial estão constantemente sob pressão para maximizar o tempo de produção. Ferramentas pneumáticas ajudam a atingir esse objetivo quando estão disponíveis e funcionando em seu nível ideal para oferecer um trabalho de alta qualidade.

As ferramentas pneumáticas são sistemas mecânicos compostos por motores pneumáticos, peças de desgaste (como palhetas, rolamentos e retentores) e outros elementos. Assim como outros sistemas mecânicos, a manutenção é essencial: não apenas para garantir o melhor desempenho das ferramentas, mas também para preservar suas especificações, por exemplo, potência e velocidade. Com a manutenção correta, as ferramentas pneumáticas oferecem produtividade constante e maximizam o tempo de atividade, evitando interrupções inesperadas de trabalho e, ao mesmo tempo, ajudando a garantir a segurança dos operadores.

O que a manutenção de uma ferramenta pneumática implica?

A manutenção envolve manter a ferramenta em boas condições de funcionamento. Existem dois tipos de manutenção:

  • A manutenção preventiva envolve todas as medidas simples, regulares e previsíveis que podem ser tomadas para reduzir os riscos de falha da ferramenta. Vão desde a lubrificação regular até a substituição de peças que podemos prever que irão se desgastar antes que resultem em tempo de inatividade.
  • A manutenção corretiva é realizada de forma reativa e inclui qualquer medida para reparar a ferramenta após uma falha imprevista. Esta interrupção pode ser devido a uma peça quebrada ou à falta de manutenção preventiva correta.

Princípios básicos de manutenção preventiva para ferramentas pneumáticas

  • Garantir a qualidade e a pressão do fornecimento de ar. É importante que o ar esteja limpo e lubrificado; portanto, usar uma combinação de filtro, regulador e lubrificador (FRL) otimizará o desempenho e a vida útil da ferramenta. Especificações de ar precisas serão fornecidas no manual do operador da ferramenta. Para saber mais, baixe o nosso guia técnico gratuito A instalação da sua ferramenta pneumática está correta?
  • Configurar e lubrificar a ferramenta conforme as instruções. Siga as especificações dos fabricantes no que diz respeito à configuração, lubrificação e peças de desgaste para cada uma de suas ferramentas. Os kits de manutenção dos fabricantes são projetados para tornar o processo ainda mais fácil. A frequência com que as peças de desgaste precisam ser trocadas será determinada pelas especificações da ferramenta e pela aplicação.
  • Otimizar o tempo de inatividade, bem como o tempo de atividade. Quando uma ferramenta pneumática for retirada da linha de produção para realizar a manutenção planejada, use o tempo para fazer uma verificação visual e avaliar o desgaste de outras peças também. Se a desmontagem e a remontagem forem necessárias, certifique-se de que sejam realizadas de acordo com as recomendações do fabricante, bem como usando peças sobressalentes originais.
  • Guardar bem as ferramentas. Quando não estiverem sendo usadas, elas devem ser mantidas em um local distante de ambientes úmidos ou temperaturas extremas, seguindo as recomendações encontradas no manual do usuário das ferramentas.

Planejar a manutenção das ferramentas pneumáticas é a chave para o sucesso. Lembre-se de que esta manutenção pode ser feita internamente caso você tenha experiência; no entanto, caso precise de ajuda, você pode contar com seus distribuidores ou centros de reparo autorizados externos (onde houver).

Lucas Bryk , Gerente Global de Marketing de Produtos - Remoção de Material CP