Este navegador não é suportado

Você está usando um navegador que não é mais suportado. Para continuar visitando nosso site, escolha um dos seguintes navegadores compatíveis.

Close

6 passos para escolher a chave de impacto ideal

19 de Outubro de 2018

HAVS Vibração Esmerilhadeiras Segurança Autobalanceador Área dos especialistas

Cada aplicação requer um modelo específico de chave de impacto, influenciando a produtividade e a qualidade do serviço prestado. Aprenda a fazer a escolha certa!

A chave de impacto é usada, principalmente, para apertar e remover parafusos em diversas aplicações. Existem diversos modelos no mercado, o que gera muitas dúvidas sobre qual é a ferramenta ideal para cada necessidade. Para ajudar nessa tarefa, preparamos um guia com 6 perguntas fundamentais que devem ser feitas antes da compra. Confira!

1. Qual é a faixa de torque?

O torque deve ser suficiente para que a junta parafusada suporte toda a carga projetada e não sofra afrouxamentos. Caso seja menor ou maior que o especificado, sobretudo em apertos críticos, a qualidade do serviço ficará comprometida.

Por isso, antes de adquirir uma chave de impacto é preciso verificar as especificações de torque definidas para a aplicação. Caso a informação não esteja disponível, pesquise a faixa de torque ideal a partir do tamanho do parafuso.

2. Qual é o tamanho do parafuso?

Chaves de impacto geralmente são especificadas em função do tamanho e resistência do parafuso. Em relação ao tamanho, usa-se como base o diâmetro do fio de rosca.

A tabela tem os seguintes componentes:Nas colunas - dureza: geralmente vem inscrito na cabeça no parafuso, nessa tabela representada pelos valores 8.8, 10.9 e 12.9. Quanto maior a resistência do material, maior a força de torque necessária. • Nas linhas - tamanho do parafuso: representado pelo símbolo M+Número que indica quantos milímetros o fio de rosca desse parafuso possui. Para interpretar a tabela, associamos a dureza e o tamanho do parafuso. Exemplo: um parafuso com dureza 10.9 e tamanho M18 requer um torque aproximado de 386 Nm, devendo-se escolher uma chave de impacto com faixa de torque adequada a esse valor.

3. Qual o tamanho adequado do quadrado do eixo da chave de impacto?

Para que a força aplicada seja proporcional, o tamanho do quadrado do eixo de uma chave de impacto deve ser igual ou maior do que o diâmetro do fio de rosca do parafuso. A especificação desse tamanho é feita em polegadas e pode variar entre 1/2”, ¾”, 3/8”, 1”, etc.

4. Qual é o tipo de encaixe ideal?

O encaixe de soquetes e bits na chave de impacto pode ser feito de diversas formas, o que é definido pelo tipo de encaixe. Basicamente existem 6 tipos de encaixe, próprios para necessidades específicas:

• Retentor de pino: para operações que demandam maior segurança e trocas frequentes de soquetes.

• Furo: para aplicações dedicadas de alta intensidade, que necessitam de maior segurança. Necessário uso com anel elástico.

• Anel de fricção: garante mais versatilidade para trocas rápidas de soquete, mas não é recomendado para aplicações de alta intensidade.

• Duplo (furo + fricção): para aplicações de alta intensidade que precisam de segurança e facilidade na troca dos soquetes.

• Ranhurado (spline): proporciona maior durabilidade do eixo e maior vida útil do soquete em aplicações de alta intensidade. • Troca rápida: para troca rápida de bits.

5. Qual é o conforto garantido pela ferramenta?

A ergonomia é um fator cada vez mais importante na escolha de uma chave de impacto. É preciso garantir o conforto do operador: assim, a produtividade não é comprometida e o risco de lesões e afastamentos é reduzido.

Quando avaliamos a ergonomia de uma chave de impacto, podemos considerar os seguintes fatores:

• Peso: quanto mais pesada a chave de impacto, maior o desconforto e a perda de produtividade. O ideal é buscar sempre as versões mais leves disponíveis no mercado, além da presença de alças laterais que facilitem a operação em modelos com peso mais elevado.

• Formato: Pode ser no formato pistola, ideal para parafusos na vertical, ou tipo reta (formato “D”) para parafusos na horizontal, garantindo sempre uma empunhadura confortável do pulso do operador.

• Tipo de empunhadura: preferencialmente emborrachada e com mecanismo de reversão posicionado de forma a facilitar o aperto/desaperto com uma única mão.

6. Qual é a intensidade de uso?

Por quantas horas diárias a chave de impacto será operada? Quanto maior a intensidade de uso, maior a necessidade de um modelo mais robusto, com maior durabilidade. Isso aumentará o intervalo de manutenções e a disponibilidade da ferramenta, além de prolongar sua vida útil.  

O uso de modelos de chave de impacto inadequados em relação à aplicação pode comprometer a produtividade e a qualidade do serviço prestado, além de causar prejuízos por desgaste prematuro da ferramenta. Todos esses cuidados são essenciais para a performance do seu negócio.

Leia mais sobre soluções para limitar a vibração: